Gestão de Maranhão deixou vencer mais de 12 mil remédios e Claudinho irá ao Ministério Público

Gestão de Maranhão deixou vencer mais de 12 mil remédios e Claudinho irá ao Ministério Público

O prefeito de Rio Grande da Serra, Claudinho da Geladeira (Podemos), utilizou as redes sociais na manhã desta quinta-feira para falar sobre o descaso da antiga gestão do prefeito Gabriel Maranhão, hoje secretário de obras em Ribeirão Pires.

Segundo o novo chefe do executivo rio-grandense, o descaso da antiga gestão era tamanho que deixaram materiais de enfermagem e medicamentos em armazenamento inadequado e jogado. Alguns vencidos desde o ano de 2015.

Para piorar, a atual gestão encontrou 12.400 unidades de Fenobarbital, um remédio anticonvulsivante, vencidos e que serão descartados.

“Esses remédios poderiam ter sido remanejados e utilizados, distribuídos para quem precisa de forma gratuita e hoje só servem para descarte. É lamentável o descaso e a falta de organização e administração da administração anterior”, disse Claudinho.

Em contato com o ABC de Fato, a gestão do prefeito Claudinho da Geladeira informou que irá ao Ministério Público para denunciar este e outros fatos ocorridos durante a gestão de Gabriel Maranhão.

Abaixo, fotos dos medicamentos e insumos vencidos: